Todos precisam conhecer uma pessoa: o Amor.

photography-2e7cd53f1362aff3eb02726d8a6b9aed_h_large
Cada vez mais eu vejo que as pessoas estão traduzindo erradamente o que é o significado da palavra “AMOR”. Estão fazendo das relações,e de um casamento uma verdadeira “casa de praia” que só serve para passar o veraneio, porque quando chega o inverno coloca-se logo a placa de aluga-se/vende-se.

Tenho escutado bastante o Luis Lins, ele acertou em cheio em sua nova canção… ” A Música mais Triste do Ano“…POOW,que porreta em?!

O amor não se resume só em poesias, músicas bonitas, não são as palavras doces, nem as paisagens românticas ou presentes. Todas essas coisas só são apenas meios de expressá-lo. O verdadeiro amor permanece quando não há mais poesias, quando as canções terminam, quando só existe o extremo silêncio e quando as folhas secam e caem. É isso que faz o amor ser quem ele é, o resto é mera réplica, é egoísmo, é ego, é orgulho…

O que todos deveriam saber é que no casamento o amor faz aliança e não contrato…
Em um contrato existem dias contados e rompimento no final. E na aliança, jamais.
Falar em aliança é ter comprometimento, estabilidade, paciência, empatia, respeito, maturidade, Deus, fé, coragem, força etc…

E é assim que deve ser.

Pode ser difícil, ou bem radical, por isso o amor não é para os fracos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: